Blog

O melhor conteúdo sobre custos e lucratividade

Método Kaizen: você conhece essa metodologia?

Método Kaizen: você conhece essa metodologia?

Você já ouviu falar no Método Kaizen? Basicamente, trata-se de um conceito que surgiu no Japão, logo após a Segunda Guerra Mundial, por meio do internacionalista Masaaki Imai. Seu principal objetivo era criar uma metodologia que ajudasse a reestruturar a economia do país. Por esse motivo, Kaizen é uma filosofia que valoriza a busca por melhorias constantes, uma vez que o termo significa “mudança para melhor”.

Nesse contexto, a principal função do método Kaizen é incentivar o gestor a realizar mudanças que vão de fato proporcionar melhorias para a empresa a curto, médio e longo prazo. Sendo assim, o recurso humano é considerado, por esse conceito, o mais importante. Afinal de contas, serão seus colaboradores os principais responsáveis por colocar essa filosofia em prática.

Ou seja, independentemente, dos recursos tecnológicos ou da quantidade de investimento que a empresa tem, é preciso dispor de uma equipe engajada e comprometida em gerar bons resultados. Sabendo disso, preparamos este conteúdo para explicar para você como esse método funciona na prática e como utilizá-lo para reduzir os custos e promover melhorias na empresa. Confira!

Como funciona o método Kaizen?

Como mencionamos, o método Kaizen é a filosofia que prega a realização de constantes mudanças com o intuito de promover melhorias no seu sistema de produção. Dessa forma, é necessário estabelecer padrões de qualidades e de mensuração, a fim de garantir a padronização dos seus processos.

Para obter melhores resultados, é necessário implementar a filosofia Kaizen junto com a Metodologia 5S. Esse método tem como proposta principal garantir a organização da empresa em diferentes níveis estruturais por meio de ações simples que são determinadas por cinco princípios básicos:

  • seiri (senso de utilização): separa o que tem utilidade do que não tem;
  • seiton (senso de organização): preza pela organização do espaço;
  • seiso (senso de limpeza): valoriza a higienização do espaço e a boa apresentação dos colaboradores;
  • seiketsu (senso de normalização): estabelece regras para garantir que os três primeiros princípios sejam colocados em prática;
  • shitsuke (senso de disciplina): oferece um suporte de apoio para que o colaborador dê continuidade aos valores aprendidos com os quatro primeiros princípios.

Como a metodologia Kaizen pode ser utilizada pelas empresas?

O primeiro passo para garantir que a metodologia funcione é assegurar que todos os seus colaboradores estejam de acordo com a nova filosofia da empresa. Feito isso, o Kaizen pode ser implementado em três áreas corporativas: na administração, na gestão de equipe e na gestão de pessoas. Os resultados serão vistos nos seguintes aspectos:

  • qualidade: todas as atividades da empresa, como desenvolvimento de produtos, prestação de serviços e até mesmo o ambiente de trabalho apresentaram melhorias a partir da implementação do método Kaizen;
  • custo: sem dúvida, uma das vantagens do método é a redução significativa dos gastos da empresa;
  • produtividade: com um ambiente bem organizado e equipe engajada o aumento da produtividade será visto em questão de tempo;
  • entrega: contribui com otimização do tempo permitindo, assim, agilidade nas entregas;
  • segurança: proporciona melhores condições de trabalho garantindo a segurança dos colaboradores.

Portanto, o método Kaizen é, sem dúvida, um ótimo investimento, pois pode ser implantado em qualquer modelo de negócio. Além disso, oferece vantagens como o aumento da competitividade, criação de hábitos positivos, valorização dos valores pessoais e profissionais e ainda proporciona mais eficiência e agilidade. Por esse motivo, vale a pena considerar a utilização dessa metodologia para promover o desenvolvimento da sua empresa.

Gostou do artigo e quer ter acesso a mais conteúdos como este? Então, assine nossa newsletter e receba em primeira mão todos os nossos conteúdos.