Surgido na década de 1980, o Microsoft Excel foi um programa revolucionário para a edição de planilhas eletrônicas.
De fato, com mais de 30 anos de idade, o Excel ainda é bastante utilizado e trata-se de uma boa solução para a realização de diversos aspectos do controle financeiro.

Mas empresas de médio e grande porte não podem mais depender das soluções do programa e vêm descobrindo as vantagens de se ter um software de gestão financeira, principalmente quando se pensa em integração de dados para otimizar as tomadas de decisão.

No post de hoje, você verá 5 motivos para migrar das planilhas para um software de gestão financeira. Acompanhe!

1. Facilidade de acesso

Por mais que a Microsoft tenha desenvolvido soluções para se utilizar o Excel em plataformas variadas, como tablets e smartphones, as planilhas costumam ser mais funcionais e fáceis de se utilizar quando usadas em um computador ou notebook.

O software de gestão financeira já é desenvolvido para utilização em qualquer plataforma, permitindo acompanhamento em tempo real dos dados financeiros da empresa. Trabalhando com mais rapidez na tomada de decisão, você torna os processos mais ágeis e melhora a rentabilidade da companhia.

2. Utilização sem segredos

Para o controle financeiro pessoal pode ser possível usar o Excel. Mas, para microempresas e instituições de médio e grande porte, a tarefa de fazer a gestão financeira envolve milhares de dados e informações que tornam as planilhas eletrônicas inviáveis.

O software de gestão financeira não depende do sistema de fórmulas, toda a sua programação é feita automaticamente e você só precisa adaptá-lo à realidade da sua companhia. Isso evita falhas humanas e também facilita os treinamentos, quando necessário.

3. Economia de tempo

A planilha de Excel precisa ser construída do zero para funcionar, inclusive com o desenvolvimento de fórmulas e tabelas dinâmicas. E quando um usuário altera qualquer uma dessas fórmulas, pode desconfigurar toda a planilha. Muitas vezes, o erro somente é percebido na hora das demonstrações de resultados à diretoria da empresa.

Como já é pré-programado para funcionar de acordo com o que necessita a sua empresa, o software de gestão financeira economiza tempo, evita retrabalho e, consequentemente, reduz custos operacionais.

4. Acesso compartilhado

Por funcionar em tempo real, o software de gestão financeira pode ser utilizado por vários usuários ao mesmo tempo, tanto no lançamento quanto no acompanhamento de dados. A Microsoft por exemplo não permite que dois usuários usem o mesmo arquivo do Excel ao mesmo tempo.

5. Confiabilidade na informação

Qualquer ação errada de um usuário do Excel pode jogar por terra todos os lançamentos de uma planilha. O software de gestão financeira evita tais problemas, já que sua programação inicial permite que ele sinalize eventuais erros de lançamento.

Além disso, também é possível configurar lembretes, o que é uma ferramenta valiosa para área financeira, trazendo mais eficiência para as equipes.

Com o auxílio da tecnologia, hoje é possível obter softwares que permitam uma visão global de toda a vida financeira da empresa, com baixo custo de aquisição e manutenção. E o principal: qualquer colaborador da organização pode utilizá-lo, já que os sistemas são simples e intuitivos.

E aí, o que você está esperando para adquirir um software de gestão financeira para sua empresa?